Home / Noticias 2008 / 08-84
 
Serra Gaúcha ganha novos produtos turísticos
Atrair cada vez mais turistas, incrementar a economia e o desenvolvimento da Serra Gaúcha são os objetivos da Rota Turística Vales da Serra e do Roteiro Integrado Experiência Viva.


Imagen Típica da Serra Gaúcha

Os dois atrativos forão lançados nesta terça-feira (10). A rota é composta pelos cinco municípios que formam a Micro Região 4 da Região Uva e Vinho: Antônio Prado, Caxias do Sul, Flores da Cunha, Nova Pádua e São Marcos.

O roteiro, está focado nas culturas locais e envolve micro e pequenas empresas do trade turístico (hospedagem, gastronomia, entretenimento, agências de turismo, turismo de aventura, turismo rural, artesanato e enoturismo).

O coquetel de lançamento dos novos produtos turísticos será realizado a partir das 19h, no Restaurante Festa da Uva, em Caxias do Sul, município distante 125 quilômetros de Porto Alegre.

O desenvolvimento da rota e do roteiro contou com a participação do Sebrae no Rio Grande do Sul – por meio do projeto Empreendimentos Turísticos da Serra Gaúcha – em parceria com a Associação de Turismo da Serra Nordeste (Atuaserra). De acordo com a gestora do Sebrae/RS, Maude Celuppi Piva, que coordenou as reuniões para elaboração dos produtos, o trabalho começou em setembro de 2007 com a identificação de uma maneira para fazer com que o turista permanecesse por mais tempo na micro região Uva e Vinho.

“Para tanto, foi realizada uma pesquisa junto às agências de turismo com o objetivo de identificar a demanda da região. Também foram realizadas consultorias para Boas Práticas de Fabricação (BPF) e para a elaboração do planejamento estratégico”, conta Maude.

“Temos uma ótima oportunidade nas mãos. Devemos aproveitar que, em São Paulo, por exemplo, o turismo é muito focado na Região Sul do País. Além disso, a expectativa é grande porque é um roteiro diferenciado daqueles que já existem, pois são cinco municípios com características totalmente distintas”, afirma o proprietário da Agência Arte do Turismo, de Caxias do Sul, Jacson Antônio Papi.

Conforme a gestora do projeto Empreendimentos Turísticos da Serra Gaúcha, Ivane Fávero, a rota e o roteiro estão de acordo com o que os turistas estão buscando. “Hoje o turista quer experiências novas e roteiros que possam lhes trazer alguma vivência cultural”, afirma. Além da rota Vales da Serra, na micro região Uva e Vinho, existem atualmente outras três rotas: Thermas e Longevidade, Rota dos Trigais e Região dos Vinhedos (ou 1ª Colônia da Imigração Italiana).

Projetos

Integram o projeto Empreendimentos Turísticos da Serra Gaúcha, desenvolvido desde o início do ano, cerca de 160 micro e pequenas empresas do trade turístico das regiões Hortênsias e Uva e Vinho – Serra Gaúcha, destacando-se os municípios indutores, de acordo com o Ministério do Turismo – Bento Gonçalves e Gramado –, e os prioritários para o desenvolvimento turístico – Canela, Nova Petrópolis, Caxias do Sul, Veranópolis, Nova Prata, Antônio Prado, Flores da Cunha, Farroupilha, Garibaldi e Monte Belo do Sul, entre outros.

O objetivo do projeto é aumentar o número de clientes nos empreendimentos turísticos da Serra Gaúcha, diversificar a procedência dos visitantes e minimizar os efeitos da sazonalidade (baixas temporadas).

A Região Uva e Vinho, na Serra Gaúcha, possui na paisagem um de seus mais belos patrimônios. São morros, colinas, vales e rios que se constituem em um ambiente com inúmeras opções, atividades e possibilidades de visitação. O cultivo da videira, está presente em 16, dos 27 municípios que a compõem enquanto região turística. Em cada estação, o visitante se surpreende com a paisagem que se apresenta com tons e cores que merecem ser apreciados.

 

Fonte: http://www.gestour.com.br/webengine/servlet/Controller?
command=gestour&modulo=noticias&id=39918